ATHOS BULCÃO / NIEMEYER / LÚCIO COSTA / ANÍSIO TEIXEIRA / COBOGÓ

Sábado de manhã, 27/4, depois de um gostoso café da manhã na companhia de muitos blogueiros de viagem, chegamos à igrejinha de Santa Rita, ponto inicial do passeio pela Super Quadra Modelo.

"Super Quadra Experience" o nome do tour pela Super Quadra Modelo oferecido pela Experimente Brasília com o objetivo de mostrar uma Brasília pelo olhar de seus moradores.


Ao ver essa singela igrejinha, só conseguia lembrar desse trecho da música "Aquarela", de Toquinho e Vinicius. 

"Num instante imagino uma linda gaivota a voar no céu"   

Parecia que a gaivota de papel tinha caído sobre essa parede linda toda de desenhos azuis.




O autor desse painel é Athos Bulcão, artista plástico carioca que foi convidado pelo amigo Niemeyer a colaborar na construção de Brasília e que desenvolveu um trabalho integrado à arquitetura.É considerado o artista de Brasília.

Olha que coisa bonita a relação que Athos Bulcão estabeleceu entre a Arte e a cidade.

"A trajetória artística de Athos Bulcão é especialmente consagrada ao público em geral.Não ao que frequenta museus e galerias,mas ao que entra acidentalmente em contato com sua obra,quando passa para ir ao trabalho,à escola ou simplesmente passeia pela cidade,impregnada pela sua obra,que "realça" o concreto da arquitetura de Brasília".

O trecho acima foi retirado do site http://www.fundathos.org.br/athos-bulcao


Segundo o Gabriel, nosso guia no tour, a única obra figurativa de Athos Bulcão é esse painel que reveste as paredes externas da igrejinha.

Fiquei encantada pela concepção de trabalho de Athos Bulcão : os ladrilhadores eram co-autores do painel,pois dependia deles também a arte, na medida que, Athos estipulava um pré padrão e eles na execução colocavam de uma maneira própria.

O painel abaixo também de autoria de Athos Bulcão fica no Café da Torre de TV  no Eixo Monumental SDN.



Brasília é fruto de idéias inteligentes e avançadas em diferentes áreas : arquitetura, educação, qualidade de vida.




O Experimente Brasília nos levou por uma caminhada na SQS 308 que é uma quadra modelo.

O conceito de "unidade de vizinhança" foi popularizado por Lucio Costa na Super Quadra : 4 quadras são suficientes para uma unidade de vizinhança, o morador não precisaria usar carro nem sair da "super quadra" pois lá ele encontraria escola,praça,biblioteca,clube, posto de saúde, cinema, igreja, comércio etc...

Lúcio Costa,foi o arquiteto que venceu o concurso nacional para o Plano Piloto de Brasília com o projeto "Cidade Parque" que propunha a integração entre os edifícios e a natureza.

Entre os prédios podemos ver como se fossem pátios internos/praças. Os pátios internos são muito comuns na arquitetura árabe e são excelente recurso de ventilação.



Outra inspiração árabe são os cobogós.
Você já ouviu falar de "cobogó" ?

Os prédios abaixo tem sua fachada toda em cobogó.




Cobogó é essa cerâmica vazada que foi inspirada nas treliças usadas na fachada de construções árabes. Ao ser utilizada em fachadas, divisórias e paredes tem a vantagem de permitir a ventilação e ao mesmo tempo preservar a intimidade dos ambientes. 

 Cobogó é um nome formado com as iniciais do nome de seus 3 criadores :
Amadeu Oliveira Coimbra, Ernest August Boeckmann e Antônio dees.

Ainda hoje o Cobogó é utilizado em construções e na decoração de interiores. 

Na Super Quadra Modelo os edifícios foram projetados sem varanda, sem salão de festa ou playground pois a concepção de cidade privilegiava o relacionamento entre os vizinhos e a ocupação dos espaços públicos.



A construção dos prédios sob "pilotis" agregava 2 propostas : circulação do ar e assim ambientes mais "frescos" e uma visão horizontal, isto é, por onde as pessoas passassem elas veriam o outro lado.
Os "pilotis" são considerados "espaços públicos" e assim sendo qualquer pessoa pode circular por ali para atravessar de um lugar para outro, assim como, para sentar, para ler ou esperar alguém, embora não more ali.


Burle Marx , como paisagista, propôs que nos jardins, nas praças e nas ruas fossem plantadas uma gama variada de árvores frutíferas e plantas típicas do Cerrado. Ele criou, também nesses pátios internos, espaços lúdicos para estimular a brincadeira tanto de adultos quanto de crianças.

Nas fotos nós,os blogueiros,"vivenciando" a proposta.


  
Abaixo projeto de Burle Marx.




Essa é a Biblioteca Setorial da Super Quadra Modelo 




Anísio Teixeira, brilhante educador, defensor da educação para todos propôs para  Brasília a "Escola Parque" um avanço educacional  que já havia sido  implementado em Salvador onde foi Secretário de Educação.

A Escola Parque oferecia educação em tempo integral. Na realidade, Anísio Teixeira achava que o nome adequado seria Centro de Educação Integral : Escola Classe onde as crianças e adolescentes tinham as aulas regulares em um turno e no outro turno tinham na Escola Parque as aulas complementares : educação física, artes, teatro, capoeira, oficinas de artesanato etc.... 







Cada Super Quadra deveria ter uma Escola Classe e Escola Parque para que os moradores dali estudassem.

Infelizmente,o funcionamento não se dá mais da forma como foi projetada : os alunos só frequentam 1 vez por semana a Escola Parque para que todos possam ter acesso a ela e os alunos são oriundos de cidades satélites ou outros bairros da cidade.
Muitos projetos foram interrompidos, esquecidos ou bastante modificados,não só na capital, ao longo da história do nosso país.

Brasília foi pensada e projetada com uma concepção clara de convivência, de compartilhamento. 

Vejo a cidade como um organismo vivo e dinâmico assim muitas coisas são alteradas,adaptadas,acrescentadas e remodeladas. Assim sempre será !

Voltei de Brasília muito feliz !!!!! 
Muitos foram os motivos mas o principal é que nessa minha 1ª viagem à Capital conheci uma geração de Brasilienses com uma força positiva, claramente, desejosos de retomar projetos, de mostrar as belezas da cidade,de se apropriar de sua cidade, de ocupar espaço, de fazer acontecer nos apresentando, com muito orgulho a sua Brasília, bem diferente daquela que a todo instante é motivo de desesperança em nossos noticiários.  

Juscelino Kubitschek, Athos Bulcão, Niemeyer, Lúcio Costa ,Anísio Teixeira foram pessoas que me emocionaram ao conhecer Brasília. 

 Dizem por aí que "a primeira vez a gente nunca esquece " mas quero dizer que foi uma 1ª viagem à Brasília,realmente, muito especial. 


#Encontro BsB-I Encontro de Blogs de Viagem de Brasília aconteceu em um fim de semana de Abril [24/4 a 26/4 ] e foi organizado pela Camila Kafino do blog Ensaios de Viagem com a ajuda de outros 2 blogueiros a Camila Torres do blog Colecionando Ímãs e Diego Paiva do blog Nós no Mundo além de  parceiros que tornaram esse fim de semana um super encontro e que vocês vão conhecer ao longo dos próximos posts.

O objetivo era mostrar uma Brasília diferente e eu sinto que tirei a sorte grande ao conhecer nossa capital de uma forma tão especial como ocorreu nesse encontro.


O trecho abaixo foi retirado do blog da Camila Kafino, www.ensaiosdeviagem.com  http://ensaiosdeviagem.com/

O #EncontroBsB foi idealizado e organizado por Camilla Kafino do Ensaios de Viagem aconteceu entre os dias 24 e 26 de abril de 2015 na cidade de Brasília, Distrito Federal, e contou com a colaboração de Camila Torres (Colecionando Ímãs) e Diego Paiva (Nós do Mundo), patrocínio de Melhores Destinos e Experiente Brasília.


Contaram os seguintes Blogs participantes:







E os apoio dos seguintes parceiros:
#EncontroBsB_parceirosSO


6 comentários

  1. Fiquei encantada com a foto dos azulejos!!! =]

    ResponderExcluir
  2. Eu como arquiteta, sou uma apaixonada por Brasília. Também me encantei com minha primeira visita à capital nacional.
    O que me deixa triste, é ver tantos corruptos "empobrecendo"essa beleza de cidade.

    Beijooooo

    ResponderExcluir
  3. Aí que saudades... Pena que você não vai a BH. Bjs

    ResponderExcluir
  4. Aí que saudades... Pena que você não vai a BH. Bjs

    ResponderExcluir