12 maio 2019

ROTEIRO DE 11 DIAS NO MARROCOS

 Marrocos, África


Marrocos, país com paisagens lindas e diversas, cores fortes e uma rica e antiga história, estava, há anos, em nossos sonhos de viagem. Decidimos que essa viagem não iríamos fazer por conta própria e como não gostamos de excursão, a viagem acabava sempre adiada.

Finalmente, em abril de 2019, embarcamos para um roteiro de 11 dias no Marrocos, apreensivos, mas empolgados para uma viagem que prometia ser especial. Nos surpreendemos, de forma muito positiva, a cada passeio, a cada cidade, a cada medina, a cada hospedagem... Cenário montanhoso, cenário desértico, cenário florido, cenário cheio de ovelhinhas... Comida muito temperada, artesanato muito colorido, pechinchar a todo momento... Cidades imperiais, cidades litorâneas, cidades Patrimônios da Humanidade....Estradas com ótima pavimentação, segurança muito boa em todas as cidades por onde passamos...Pra além de uma viagem, uma linda experiência de vida.


Roteiro de 11 dias no Marrocos

Fizemos um tour de carro de 11 dias e foi complicado decidir as cidades que seriam incluídas no roteiro e as que não poderíamos visitar. No final, ficou assim : Casablanca, Rabat, Meknes, Volubilis, Fes, Ifrane, El Jadida, Essaouira, Marrakech, Ouarzazate e Ait Ben Haddou. Iniciamos e terminamos em Casablanca. Nosso tour foi privativo e Said foi nosso motorista e companheiro.

1- Voo Rio/ Casablanca-Royal Air Maroc- 10/4

Chegou, enfim, o grande dia de viajarmos para o Marrocos e cheios de expectativa embarcamos em um voo da Royal Air Maroc com destino a Casablanca, a primeira cidade do nosso roteiro.
No post "Chegando ao Marrocos : Aeroporto, Imigração, Dinheiro e Chip" contamos como foi nossa experiência.

2- Casablanca- 11/4

Chegamos a Casablanca no início de uma ensolarada tarde de primavera e, só, no caminho para o hotel, caiu a ficha : pisamos pela primeira vez no Continente Africano e estávamos, realmente, no Marrocos. Após o check in, Said nos ajudou a comprar o chip de celular e tivemos a tarde livre para conhecer a cidade.

Catedral de Casablanca.
Catedral de Casablanca ou Catedral do Sagrado Coração. Deixou de servir como igreja em 1956 e passou a funcionar como centro cultural. 

Saiba como funciona a imigração no aeroporto de Casablanca.

3- Rabat- 12/4

No dia 12/4, após o café da manhã, Said nos levou de carro para visitar a Mesquita Hassan II, depois fomos passear pelo Boulevard Corniche, demos uma paradinha para conhecer o aquário do Morocco Mall e seguimos para Rabat.
Ao chegarmos em Rabat, fomos primeiro conhecer Chellah, sítio arqueológico com as ruínas da cidade romana Sala Colónia. Visita imperdível pra quem aprecia história. Só depois dessa visita é que entramos realmente em Rabat. Fomos direto para o Kasbah dos Oudaias, uma fortaleza medieval com ruelas estreitas, moradias, comércio, restaurantes e vista para o mar. 
Finalmente fomos até o "riad", onde ficamos hospedados,aliás adoramos esse tipo de hospedagem. Então, saímos para passear e fizemos nossa estreia em uma medina. Achamos uma ótima e tranquila experiência. Aproveitamos a cidade até bem tarde.

Rabat, Marrocos.
Farol na praia de Rabat, capital do Marrocos.

4- Meknes [visita guiada] / Volubilis/ Fes- 13/4

Após o café da manhã, partimos em direção a Fes, mas, antes, passamos em Meknes, onde um guia nos aguardava para uma visita com explicações sobre a história da cidade imperial. Conhecer Meknes com guia fez a maior diferença.

Portão Bab Mansour em Méknes, Marrocos
Portão Bab Mansour, em Méknes, Marrocos


Volubilis,Fes,Marrocos
Seguimos viagem indo conhecer a maravilhosa joia romana, Volubilis, e aproveitamos cada segundo da visita. 
No meio da tarde chegamos a Fes e, assim que deixamos a bagagem no riad, partimos para explorar a enorme medina do século IX.

5- Fes 14/4-  visita guiada

Estávamos terminando o café da manhã quando Said, motorista do nosso tour, chegou acompanhado da guia que nos levaria para a visita guiada. Fomos conduzidos pelos labirintos e ruelas da medina da Idade Média e por outros pontos turísticos mais afastados, como: Borj Nord, antigo forte que atualmente é um museu de armas e Tombe dei Merenidi, que foram túmulos da dinastia Merenidi. Quando a visita terminou, permanecemos sozinhos pela medina que é uma fonte inesgotável de preciosidades.

Medina de Fes,Marrocos
Medina de Fes vista do Tombe dei Merenidi em Fes, Marrocos

Já voou com a Royal Air Maroc ? Saiba como é o vôo Rio/Casablanca

6-Ifrane e Floresta de Cedros- 15/4

Nesse dia, nosso passeio foi à chamada Suíça Marroquina-Ifrane- cidade que, nos meses de inverno, fica coberta de neve e tem estações de esqui em funcionamento. No inicio da tarde retornamos a Fes e lá fomos nós bater perna na medina.

Ifrane, Suíça Marroquina
Ifrane, chamada de Suíça marroquina.

7- El Jadida- 16/4

Após o café da manhã, partimos em direção ao litoral  marroquino, e a cidade escolhida foi El Jadida, que foi possessão portuguesa por 263 anos, e se chamava Mazagão. Visitamos a Cidadela Portuguesa, Patrimônio Mundial da Unesco e um dos grandes atrativos na cidade. Muitos turistas fazem apenas um bate e volta, porém nós gostamos de ter pernoitado por lá.

Cisterna Portuguesa, El Jadida, Marrocos.
Cisterna Portuguesa, El Jadida, Marrocos.

8- Essaouira- 17/4

Joia da costa marroquina, essa cidade, já se chamou Mogador e tem um centro histórico tão bem preservado que foi classificado pela Unesco como Patrimônio Mundial. É famosa entre surfistas e praticantes de kite surf por causa dos ventos fortes que facilita a prática desses esportes. Merecia uma estadia mais prolongada, no entanto aproveitamos muito cada pedacinho dela até de noite.

Essaouira, Marrocos, África.
Essaouira, no Marrocos, é Patrimônio Mundial da Unesco 
Viaje sempre com Seguro de Saúde.

9- Marrakesh- 18/4  visita guiada

Após uma despedida de Essaouira, com gostinho de quero mais, chegamos a Marrakesh, capital do turismo marroquino. A cidade imperial nos recebeu com tempo nublado. O guia já nos aguardava na Mesquita Koutobia para a visita guiada, e foi tão boa e com tanta história incrível, que poderia levar 2 ou 3 dias e, ainda assim, teríamos o que aprender.

Mesquita Koutoubia, Marrakech.Marrocos.
Mesquita Koutoubia, em Marrakech, Marrocos.

10- Ouarzazate/ Ait Ben Haddou- 19/4

Esse dia tomamos café da manhã super cedo pois o dia seria longo. Fizemos um bate e volta a Ouarzazate e Ait Ben Haddou, passeio imperdível, no entanto a estrada estava em obras o que tornou o dia bem cansativo. Chegamos de volta ao hotel, quase às 20h, tão cansados que nem fomos jantar.

Ouarzazate,Marrocos, África.
Kasbah de Taourirt, em Ouarzazate, Marrocos.

11- Marrakech- 20/4

Começamos o dia bem cedo porque seria nosso último dia no Marrocos e queríamos aproveitar bem. Said nos levou ao Jardim Majorelle e Jardim Menara e depois nos deixou na Praça Jemaa el-Fna. Lá fomos nós bater perna na medina e conhecer o Ensemble Artisanal.

Jardim Majorelle, Marrakech, Marrocos.
Jardim Majorelle em Marrakech.

12- Marrakech/Casablanca/ Rio de Janeiro. 

Deixamos Marrakech por volta das 10:30 em direção a Casablanca, de onde retornamos ao Brasil.

Veja abaixo o nosso tour pelo Marrocos.




Tour privativo 

# Fizemos, de carro, um tour privativo durante 11 dias visitando várias cidades do Marrocos. Fomos recebidos e acompanhados pelo simpático e atencioso Said, motorista e guia. Nos surpreendemos com a boa qualidade das autoestradas e estradas secundárias. Também nos chamou atenção a fiscalização e o policiamento nas mesmas.
# Para realizarmos essa viagem, contratamos a empresa Excursão no Marrocos, que é uma empresa marroquina especializada em atender turistas brasileiros e portugueses. Tivemos um guia específico em Meknes, Fes e Marrakech.

Said, da empresa Excursão no Marrocos, eu e Rhana, nossa guia na cidade de Fes.

# Ficamos muito satisfeitos com o trabalho da empresa e sei que, muitas vezes, as pessoas ficam inseguras em contratar um serviço assim. Por isso, estou compartilhando nossa avaliação e fazendo a indicação.
# Se você gostou de nossa viagem e quiser conhecer o Marrocos também, entre em contato pelo email excursaonomarrocos.vendas@gmail.com


Foi uma viagem que marcou bastante nossa vida de viajantes. Quero deixar registrado que partimos do Marrocos muito agradecidos por tudo que lá vivenciamos. Foram poucos dias e algumas cidades visitadas, contudo o que vimos nos emocionou. País incrível, povo acolhedor, cidades com muita história, artesanato lindo demais. Desejo, de coração, voltar em breve.

Gostou das dicas ?  Agora virão os posts por cidade com hotel, atrações, compras.


                                                         FOTOS : J.C. ALVAREZ


Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only

Start typing and press Enter to search