TIRADENTES IGREJAS / ONDE COMER / COMPRAS

 A cidade de Tiradentes têm várias igrejas. A igreja Matriz de Santo Antônio se destaca em todos os sentidos: desde sua localização no alto de uma ladeira até sua beleza e importância. Outra que ocupa localização privilegiada é a igrejinha de São Francisco de Paula. Mas estou falando tudo isso, na verdade, para dizer do meu estranhamento de nunca ter visto algumas delas abertas ao público. Não sei se não demos sorte ou se algumas só abrem mesmo em datas especiais.
Uma delas é a Igreja Nossa Senhora das Mercês que fica no Largo das Mercês, uma enorme área como se fosse uma praça. 
Nossa Senhora das Mercês era considerada padroeira da libertação dos escravos.




Construída na segunda metade do século XVIII pelos escravos libertos.
Dizem que tem um interior muito bonito trabalhado com pinturas de anjos e santos.


O mesmo acontece com a  Capela Bom Jesus da Pobreza que fica na pracinha de Tiradentes, Largo das Forras.
Também construída na segunda metade do século XVIII, é bem pequena e simples. Foi construída como pagamento de uma promessa. É a última parada da Via Sacra na Quaresma, época em que abre.





A Igreja de São João Evangelista está passando por um amplo processo de  reforma : prédio, móveis, santos, altares, pinturas etc...


Essa igreja fica quase em frente à estátua de Tiradentes.



A Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos era a igreja que os negros podiam frequentar já que as demais proibiam a entrada de negros escravos .



Trecho abaixo explica a devoção dos negros à Nossa Senhora do Rosário.
Leia mais no site abaixo de onde esse trecho foi retirado.

http://www.uberlandia.mg.gov.br/2014/secretaria-pagina/23/118/secretaria.html

"Exemplificando a devoção dos negros a Nossa Senhora do Rosário, conta-se que Nossa Senhora apareceu na linha do mar.Os brancos,com a banda de música,levaram a imagem para uma igrejinha.Quando amanheceu o dia ela não estava lá.Havia voltado para o mesmo lugar,onde foi encontrada.
Os brancos se reuniram novamente com violas, violões e foram até lá. Tocaram, cantaram e levaram a Santa para a Igrejinha. No dia seguinte, perceberam que ela havia voltado novamente. Então os congadeiros com suas caixas foram até lá, cantaram, bateram a caixa, pegaram a imagem e levaram para a mesma Igrejinha. Desta vez, ela não mais voltou.  Podemos concluir desta pequena história que Nossa Senhora, ela mesma, adotou o som do tambor. Isso significa que ela aceita o negro com seus tambores e Reis."

ONDE COMER ?

No quesito "onde comer" Tiradentes oferece muitas opções, mas para nós, um lugar que se destaca é o restaurante Viradas do Largo, mais conhecido como restaurante da Beth.
Sempre que estamos em Tiradentes vamos almoçar lá e nosso prato predileto é o "feijão tropeiro com lombo e costelinha".


Foto do site www.viradasdolargo.com.br

Foto do site www.viradasdolargo.com.br







 Olha que graça o jogo americano nas mesas do restaurante !



Escolhemos ir à pé para o restaurante pois a comida é farta e boa demais, sempre saímos de lá precisando caminhar para fazer a digestão.
  
COMPRAS

O artesanato mineiro é lindo e variado, muitas são as lojas com produtos de qualidade. Sempre trazemos de lá presentes pra nossa casa e essas 3 lojas a seguir são as que compro com mais frequência : 

loja Graziela Guimarães  , loja Valéria Campos [ na rua Direita 129 ] e loja Marcas Mineiras [Largo das Mercês 49] onde também funciona o Café Marcas Mineiras.





FOTOS : J.C. ALVAREZ

Um comentário

  1. Nossa também conheci a loja Marcas Mineiras adorei o café é otimo e lindo.Valeu
    Paula Inacia Passos

    ResponderExcluir