MILÃO, COMO CHEGAR À PINACOTECA DE BRERA À PÉ ?

Como chegar à Pinacoteca de Brera à pé ? 

Se você, assim como nós, é daqueles que explora a cidade toda à pé, aí vai uma dica para chegar até à Pinacoteca de BreraEstando na Piazza del Duomo, atravesse a Galeria Vittorio Emanuele e você sairá na Piazza alla Scala onde há uma estátua de Leonardo da Vinci. Ele está olhando para o Teatro Alla Scala. Aprecie você também o belo Teatro Alla Scala e tire fotos.

Estátua de Leonardo Da Vinci

Depois, pegue a rua à direita do teatro, aquela onde está saindo o ônibus verde...

Teatro Alla Scala

 ...e vá sempre em frente. Logo você verá o Palazzo de Brera. 

Todo 1º domingo do mês, o ingresso para a Pinacoteca de Brera é gratuito. Isso contribuiu para uma fila grande, mas que, mesmo assim, fluiu com rapidez.
O pátio interno da Pinacoteca lembrou-me o do Instituto de Educação do Rio de Janeiro.
 No centro do pátio um monumento a Napoleão I recepciona os visitantes.

Pátio interno da Pinacoteca de Brera

A Pinacoteca é um museu instalado no Palácio de Brera. 
Seu acervo é composto por obras de grandes artistas italianos, em especial pinturas venezianas e lombardas, obras trazidas dos mais diversos lugares durante a campanha Napoleônica, obras oriundas de doações e aquisições.

Somos apaixonados por afrescos e ficamos encantados com essa galeria: 


Afrescos da Pinacoteca de Brera

Afrescos da Pinacoteca de Brera

Belíssimos "Polípticos" também estão expostos no início da mostra. Polípticos são retábulos compostos por painéis fixos de madeira que formam um conjunto dentro de um mesmo tema. 

Polípticos da Pinacoteca de Brera

Polípticos da Pinacoteca de Brera

Políptico da Picanoteca de Brera

Alguns salões de exposição são espaços imponentes.

Salão da Pinacoteca de Brera

Salão da Pinatoteca de Brera

Abaixo, uma oficina de restauração de quadros. Toda envidraçada de forma que os visitantes possam observar o trabalho dos restauradores.

Oficina de restauração da Pinacoteca de Brera

Coleção Arqueológica: Arte do Egito Romano. O retrato funerário era uma pintura do rosto do falecido, em madeira ou tecido, que era colocado na urna funerária no local onde ficaria o rosto.
O primeiro é do II século d.c., o segundo é de 160 d.c. e o terceiro é de 175 d.c.

Retrato funerário

Mosaicos da 1ª metade do século IX : cabeça de São Ambrogio e São André.

Mosaicos


Pintura Veneziana dos séculos XV e XVI
Essa pintura "Madonna col Bambino" de Giovanni Bellini foi uma das primeiras a fazer parte do acervo e veio do Palácio Ducal de Veneza.

Pintura "Madonna col Bambino de Giovanni Bellini

Abaixo, o quadro "Lamentações sobre o Cristo Morto" de Andrea Mantegna.
 É uma das obras mais conhecidas do Renascimento.

"Lamentações sobre o Cristo Morto" de Andrea Mantegna

Os detalhes na pintura de uma cena de Veneza.

Pintura retratando o cotidiano em Veneza

Modigliani também tem obras expostas na Pinacoteca.

Pintura de Modigliani

Pintura de Modigliani

Mas, o quadro que atraía grande número de pessoas, sem dúvida, era o "Quarto Estado" de Giuseppe Pellizza Volpedo.

"Quarto Estado" de Giuseppe Pellizza Volpedo

Quarto Estado é uma pintura que mostra a caminhada de um grupo de trabalhadores em protesto numa praça. Esse quadro simboliza, até hoje, a força da manifestação dos trabalhadores pelos seu direitos.


A Pinacoteca tem um acervo fantástico composto por afrescos, mosaicos, vasos, quadros, polípticos e painéis. Obras expostas em ambientes grandiosos e em pequenas salas e sempre acompanhadas de placas explicativas.

Para apreciar o acervo, como ele merece, precisaríamos passar uma tarde inteira, mas não foi possível. Mesmo assim, aproveitamos muito nossa visita. 


No Palácio de Brera, também, estão a Biblioteca Braidense, a Academia de Belas Artes, o Instituto Lombardo de Ciências, o Jardim Botânico e o Observatório de Brera.

Informações práticas:

Site: www.pinacotecabrera.org
Endereço: Via Brera, 28
Custo: 10 euros / 7 euros e áudio guia 5 euros [inglês, espanhol, alemão, francês e italiano]. É possível comprar o ticket online.

OBS:
1] Todo 1º domingo do mês, a entrada é gratuita .
2] Toda 5ª feira, de 20 de outubro até 29 de dezembro, a Pinacoteca fica aberta até 22h15. E a partir das 18h até a bilheteria fechar às 21h40, o ticket custa 2 euros.

No final da visita à Pinacoteca, há uma lojinha com postais das obras expostas, calendários, lenços etc...



FOTOS: J.C.ALVAREZ    

Leia Também:

Milao

Florenca

Roma

3 comentários

  1. Uau, que lugar lindo. Eu tive um período muito curto em Milão e acabei não explorando a cidade da forma que eu queria. Adorei ver suas fotos, senti como se tivesse podido estar lá também!

    ResponderExcluir
  2. Que passeio lindo!!
    Milão deve ser demais! É mais uma cidade que estou louca para tirar da minha lista de desejos!
    Adorei o post!
    Beijos

    ResponderExcluir